Field Marketing

A experiência da gamificação para engajamento dos colaboradores

a-experiencia-da-gamificacao-para-engajamento-dos-colaboradores.jpeg
Escrito por Indianara Ferreira

A baixa produtividade e a desmotivação são fortes indícios de falta de engajamento. Diante disso, muitas empresas estão utilizando técnicas de gamificação para engajamento de equipe.

O uso da gamificação para engajamento contribui para criar ambientes mais harmônicos e prazerosos, estimulando as relações interpessoais, inspirando e motivando a equipe para que todos possam alcançar os objetivos da empresa.

Então, se você ainda não conhece a metodologia da gamificação como ferramenta de engajamento de colaboradores, continue a leitura deste artigo e saiba como utilizar esse recurso em benefício da sua empresa.

O que é gamificação?

A gamificação (ou gamification, em inglês) é um conceito que se baseia na utilização de técnicas, mecânicas e raciocínio de jogos (games), com o objetivo de estimular, engajar e motivar pessoas.

Nesse processo são utilizadas mecânicas e dinâmicas de games para solucionar problemas fora do ambiente de jogo, e desta forma propiciar o aprendizado, ou seja, a gamificação pode ser definida como a técnica que utiliza ideias e mecanismos de jogos para incentivar determinada atitude em uma pessoa.

Como definir os objetivos que a empresa deseja alcançar com a gamificação?

A gamificação é utilizada como uma estratégia para alcançar metas e objetivos. Entre as possibilidades de objetivos está o aumento da produtividade, alcance de metas dos departamentos, redução de desperdícios, aumento de vendas, entre outros.

Após isso, é preciso definir qual estratégia de gamificação a empresa adotará. Podem ser aplicadas técnicas virtuais, nas quais os colaboradores ganham recompensas e incentivos na própria plataforma web (pontos, cupons, vale-desconto), e também interações físicas, realizadas dentro do ambiente da empresa. Para utilizar a gamificação para o engajamento, você deve observar quais mecânicas se adéquam ao perfil de seus colaboradores.

Como aplicar a gamificação para engajamento na sua empresa?

Existem várias possibilidades de criar ambientes interativos e gamificados em uma empresa, como Quiz e telefone sem fio. Em uma transportadora, por exemplo, pode-se implantar um sistema de rastreamento dos veículos, onde os quilômetros são convertidos em milhas e ao final o colaborador precisa atingir determinada pontuação para conquistar uma recompensa. A cada falha como multas, ausência de descansos, desrespeito ao limite de velocidade o colaborador perde pontos.

Enquanto que, para uma equipe de vendas, é possível criar um painel (físico ou virtual) simulando uma pista de corrida, onde cada colaborador terá um veículo que se locomove a cada venda realizada. Vence aquele que cruzar primeiro a linha de chegada.

É importante observar que todo jogo possui metas e fases que precisam ser cumpridas para alcançar o objetivo do jogo. No final, é preciso ofertar uma recompensa, afinal, esse é o estímulo para a competição.

Por que implementar a gamificação?

De acordo com pesquisa da NDP GROUP, 82% da população brasileira, com idade entre 13 e 59 anos jogam algum tipo de game. Esses dados demonstram a influência que os jogos possuem no contexto atual.

Além disso, utilizar recursos de gamificação para engajamento de colaboradores colabora significativamente para a melhoria dos resultados. O uso de atividades lúdicas como jogos contribuem para a maior assimilação de informações, favorecem a atividade cerebral, reduzem a desmotivação no ambiente de trabalho, possibilitam a troca de conhecimento entre a equipe e ampliam a participação dos colaboradores. Além disso, pode ajudar a manter e recrutar novos talentos.

A gamificação para o engajamento possibilita novas descobertas tanto para a empresa quanto para os colaboradores. Com essa metodologia a organização atua como condutora, estimuladora e avaliadora de resultados.

Gostou desse artigo? Compartilhe-o nas suas redes sociais!

Sobre o autor

Indianara Ferreira

DIRETORIA DE NEGÓCIO, GERÊNCIA COMERCIAL E MARKETING
Graduada em Administração de Empresas, Pós-Graduação em Primeira Gerência e Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing e MBA em Trade Marketing– ESPM.

Deixar comentário.

Share This