Field Marketing

Fieldmarketing: aprenda a fazer a gestão inteligente do PDV

fieldmarketing-aprenda-a-fazer-a-gestao-inteligente-do-pdv.jpeg
Escrito por Indianara Ferreira

Já conhecido por alguns profissionais do mercado, o fieldmarketing ainda soa como novidade para algumas empresas que não conseguiram entender como ele funciona, como afeta a gestão inteligente no PDV e quais os benefícios que podem ser colhidos por meio dessa moderna metodologia de trabalho.

Se você ainda não conhece bem ou precisa reforçar um pouco o que sabe sobre essa tendência de mercado, fique atento para este resumo que fizemos.

O que é fieldmarketing?

Ultrapassando as barreiras do trade marketing que, como sabemos, ainda fica muito restrita às relações de B2B e aos problemas da distribuição, o fieldmarketing transcende essa visão limitada e consegue congregar mais outras três áreas: comunicação, preço e produto.

Ele une execução e mensuração em uma coisa só. Isso quer dizer que toda a comunicação e marketing planejados e colocados em prática como estratégias de vendas são coordenadas e gerenciadas de uma maneira sistêmica.

Trocando tudo isso em miúdos, o fieldmarketing trabalha com um projeto bem estruturado de estratégias de comunicação direcionada, é focado em resultados e na gestão inteligente do PDF, sempre fazendo uma mensuração constante.

Onde o fieldmarketing é aplicado?

Por ser um modelo de gestão, ele se aplica a todo o processo: do planejamento de comunicação, execução, envolvimento no ponto de venda até a análise de resultados.

Na verdade, ele controla e retroalimenta esse processo. É assim também que ele produz seus melhores benefícios, considerando todos os efeitos percebidos até a ponta do sell out.

Como funciona o planejamento estratégico e a gestão inteligente do PDV?

Uma vez criada uma estrutura de gerenciamento de todos esses processos que desembocam nas vendas, o planejamento para as ações e a gestão do PDV acaba acontecendo de maneira natural.

Isso porque as alterações feitas durante todas as etapas impactam nos resultados do faturamento e também do marketshare.

Sendo assim, a própria metodologia se incumbe de fazer os ajustes finos necessários de maneira que a tendência é sempre de melhoria.

A mensuração de resultados e a padronização estratégica é feita de que maneira?

O segredo para o atingimento dos objetivos e a conquista de metas está no controle e mensuração.

Consideremos que existem algumas variáveis que são possíveis de serem ajustadas na comunicação e marketing, na distribuição, na definição de preços e na gestão do PDV. Todas elas afetam, de alguma forma, os resultados nas vendas.

À medida que cada alteração dessas variáveis é percebida por meio da mensuração do desempenho dos produtos, é possível ir desenhando uma fórmula que consegue oferecer as melhores condições para o aumento de vendas.

Depois de amadurecido esse modelo, encontra-se uma configuração de melhor performance e é com essa configuração que se torna possível a padronização do processo.

A partir deste momento, o próximo passo então é replicar essa “fórmula”, mas sempre com a preocupação de continuar medindo os resultados. Assim, os ajustes necessários ocorrerão nos momentos em que forem devidos.

Se você gostou do artigo, compartilhe este post nas suas redes sociais e ajude também os seus amigos e parceiros a conseguir conquistar melhores resultados com uma gestão inteligente do PDV!

Sobre o autor

Indianara Ferreira

DIRETORIA DE NEGÓCIO, GERÊNCIA COMERCIAL E MARKETING
Graduada em Administração de Empresas, Pós-Graduação em Primeira Gerência e Gestão de Negócios com Ênfase em Marketing e MBA em Trade Marketing– ESPM.

Deixar comentário.

Share This